Presidente Governador Senador Deputado Federal Deputado Estadual

Pode entrar mais que uma pessoa na cabina de votação?


No momento da votação só o eleitor poderá estar presente na cabina de votação.

Mas se um eleitor tem alguma deficiência ou mobilidade reduzida, poderá ser ajudado por uma pessoa de sua confiança. Esse direito é garantido pelo Estatuto da Pessoa com Deficiência.

Não é preciso informar a necessidade ao Juiz Eleitoral com antecedência, basta que o acompanhante seja autorizado pelo presidente da mesa receptora. Se o eleitor votar acompanhado é preciso fazer essa anotação na ata da eleição.

Crianças podem entrar na cabina eleitoral com o pai ou a mãe?

A Justiça Eleitoral não permite a presença de crianças dentro da cabina de votação.

De acordo com a orientação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) as crianças podem acompanhar os pais na seção eleitoral, mas no momento da votação não é permitido.

Eleitores com deficiência visual podem votar?

Sim. As urnas eletrônicas têm a indicação dos números em braille para que os eleitores com deficiência visual possam votar.

Caso o eleitor não saiba braille ele poderá levar uma pessoa de sua confiança para a cabina para ajudá-lo a votar. Nestes casos os eleitores também poderão ser guiados por alguém de confiança até a cabina de votação.

Quanto tempo posso ficar dentro da cabina?

Não é definido o tempo máximo que um eleitor tem para votar. A Justiça Eleitoral costuma fazer o cálculo do tempo médio necessário para a votação, mas o cálculo é apenas demonstrativo.

Para facilitar o processo de votação o eleitor pode levar um "cola" com o número dos candidatos em quem vai votar. 

Veja também